M&G (Lux) Global Listed Infrastructure Fund

Objectives and Approach

Objectives

O fundo tem dois objetivos:
- fornecer uma combinação de crescimento de capital e rendimentos para oferecer um retorno superior ao do mercado global de ações ao longo de qualquer período de cinco anos;
- aumentar o fluxo de rendimento anualmente em termos de USD.

Approach

Investimento principal: Pelo menos 80% do fundo são investidos em ações emitidas por empresas de infraestruturas, "trusts" de investimento e "trusts" de investimento em capital imobiliário de qualquer dimensão, domiciliadas em qualquer país, incluindo mercados emergentes*. O fundo detém normalmente ações de menos de 50 empresas. A alocação mínima de 80% poderá incluir ações ordinárias, ações preferenciais e convertíveis. As empresas de infraestruturas incluem negócios nos seguintes setores: serviços públicos, energia, transportes, saúde, educação, segurança, comunicações e transações. As empresas que obtêm mais de 30% das respetivas receitas a partir de centrais alimentadas a carvão e centrais nucleares estão excluídas do universo de investimento, assim como as indústrias do tabaco, bebidas alcoólicas, entretenimento para adultos, jogo e armas. Na análise das empresas são igualmente tidos em consideração os princípios do Pacto Global (Global Compact) das Nações Unidas em matéria de direitos humanos, trabalho, ambiente e anticorrupção.

Outros investimentos: O fundo poderá também investir noutros fundos, numerário e ativos que poderão ser rapidamente transformados em numerário.

Recurso a derivados: Os derivados também podem ser utilizados para gerir os riscos, reduzir os custos e gerir o impacto de alterações em taxas de câmbio nos investimentos do fundo.

* Os países de mercados emergentes são definidos como os incluídos no MSCI Emerging Markets Index e/ou os incluídos na definição do Banco Mundial de economias em desenvolvimento, tal como atualizados pontualmente.

Resumo da estratégia: A seleção de ações do fundo baseia-se numa análise aprofundada de empresas de infraestruturas individuais. O gestor de investimento procura investir em negócios com uma excelente disciplina de capital e o potencial para crescimento de dividendos a longo prazo. São selecionadas ações com diferentes impulsionadores de crescimento de dividendos para construir uma carteira que tenha potencial para resistir a diversas condições de mercado. Espera-se que o fundo apresente flutuações mais baixas nos retornos e ofereça um rendimento de dividendos mais elevado face ao mercado bolsista global, em coerência com as características dos títulos de infraestruturas. As considerações de sustentabilidade que abrangem questões ambientais, sociais e de governança (ESG) são totalmente integradas no processo de investimento.

Comparador de desempenho: O fundo é gerido ativamente. O MSCI ACWI Net Return Index é um ponto de referência face ao qual o desempenho do fundo pode ser medido.

Termos do glossário

Convertíveis: São obrigações emitidas por empresas que geralmente pagam uma taxa de juro definida e que podem ser trocadas por montantes predeterminados de ações de empresas.

Derivados: Contratos financeiros cujo valor deriva de outros ativos. Rendimento de dividendos: Rendimento anual distribuído como uma percentagem do preço das ações.

Ações preferenciais: Empréstimos a uma empresa que podem ser negociados da mesma forma que uma ação ordinária, mas que geralmente têm um rendimento mais elevado e pagam dividendos em datas fixas.